Projetos

Title: YOUNGMOB-Facing youngsters’ mobile addiction through an innovative technological app

 

 

Members CARME: Neuza Ribeiro, Susana Rodrigues, Alzira Marques

External partners: Universitat de Valencia (Spain); Universitat de Burgos (Spain); Gestionet Multimedia, S.L.(Spain); Instituto de Educación Secundaria Pintor Luis Sáez (Spain); Media, Educazione, Comunità (Italy); Center Spirala (Slovenia)

 

Funding Entities:

Erasmus +, Call 2019 Round 1 KA2 – Cooperation for innovation and the exchange of good practices, KA201 – Strategic Partnerships for school education

 

Description:

YOUNGMOB is addressed to deliver practical tools for parents and school teachers to promote a correct use of smartphones and avoid or reduce addictive behaviours; and a set of recommendations also for policy makers to prevent mobile addiction.

 

 

Title: Education for the Sustainable Development Goals: diagnoses, perspectives and challenges in Brazilian business schools.

 

 

 

Members CARME: Teresa Eugénio

External partners:

Sónia Maria Gomes – Federal University of Baia (Brasil) – Leader

The team brings together 11 researchers and 3 students from several Brazilian institutions such as the Federal Universities of Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Santa Catarina; the Federal Institute of Bahia, the Feira de Santana State University, the Visconde de Cairu Foundation and the Anísio Teixeira Faculty. And Portuguese: Polytechnic Institute of Cávado and
Ave and Polytechnic Institute of Leira.

Funding Entities:

CNPq – National Council of Scientific and Technological Development (CNPq), agency of the Ministry of Science, Technology, Innovations and Communications (MCTIC) – Brazil.

Description:

The project aims to study the process of training professionals, from the business area, in the Brazilian scenario from 2016 to 2020, in relation to the Sustainable Development Goals (SDGs). Through the analysis of their didactic pedagogical possibilities, the study seeks to contribute in the proposition of a methodological approach of teaching in a transforming educational perspective. We hope to obtain theoretical and empirical evidences that, besides providing subsidies for proposing a methodological approach to teaching, may contribute to suggesting the creation of public policies and pedagogical order. It also seeks to incorporate, in the training of professionals of the business area, a concept that broadens the reflexive and critical action of the professional and citizen reality. That promotes the interaction and intervention of sustainable development.

Keywords: Education. Accounting. Administration. Sustainable Development Goals. HEIs Business.

 

         REINOVA – SI (Re-industrialization of the agro-food sector – Sustainability and Innovation)

 

Members CARME: Eduarda Fernandes (PI) and Susana Rodrigues

Principal Research Unit: CARME – Centre of Applied Research Management and Economics

External partners: IDDNET, ITACyL, Asociación Empresarial Centro Tecnológico Nacional Agroalimentario “Extremadura”, Cámara Oficial de Comercio, Industria y Servicios de Badajoz, OPEN, Vitartis, ADRAL, Cámara Oficial de Comercio, Industria y Servicios de Valladolid, InovCluster, Instituto Politécnico Castelo Branco, CATAA

Funding Entities: FEDER (POCTEP)

Description:

The project aims to encourage the launching of new products by agro-food SMEs, which respond to new market trends (natural products, with sustainable processes). Its specific objectives are: to design a new consulting model tailored to SMEs in the sector, creating easier and quicker adaptation of processes based on circular economy (EC) practices. Additionally it aims to create a model of international cooperation that will effectively implement the circularity principle. As a result of the good practices developed, a greater stimulus to eco-innovation is expected.

 

 

Observatório para a Coesão Territorial

 

Membros CARME: Ana Sargento, Ana Sofia Lopes e Eduarda Fernandes.

O Observatório para a Coesão Territorial (OCT) tem como missão disponibilizar informação útil relativa às
políticas públicas para a coesão do território nacional, como instrumento de suporte à administração e decisão
públicas, contribuindo para a transparência e melhoria dos serviços prestados aos cidadãos, empresas e à própria
administração do Estado.

Setembro 2018-Setembro 2020 (Projeto co-financiado pela FEDER através do COMPETE2020; Ref.: POCI-02-0550-FEDER-040217).

Outros Parceiros: UNIVERSIDADE DE AVEIRO (coord. científico), CCDR CENTRO, ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE COIMBRA, INSTITUTO POLITÉCNICO DE CASTELO BRANCO, INSTITUTO POLITECNICO DE COIMBRA, INSTITUTO POLITECNICO DA GUARDA INSTITUTO POLITÉCNICO DE TOMAR, INSTITUTO POLITECNICO DE VISEU, , UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR, UNIVERSIDADE DE COIMBRA.

 

 

Estudo de Antecipação das Necessidades de Qualificações na Região de Leiria

 

Membro CARME: Ana Sofia Lopes (coord. equipa)

Pretende-se, com este projeto, apoiar o processo de concertação e planeamento da oferta de cursos profissionais de nível 4, para os próximos anos letivos na Região de Leiria.

Para isso será elaborado um diagnóstico das necessidades de qualificações de nível intermédio com recurso a diversas fontes estatísticas e à realização de inquéritos, entrevistas e workshops com os stakeholders, procurando identificar a evolução recente da procura e da oferta de qualificações e antecipar as necessidades futuras do ponto de vista dos empregadores.

Com a identificação de prioridades de qualificação e de uma oferta ajustada às necessidades, o presente projeto visa contribuir para o desenvolvimento económico e empregabilidade da Região.

Duração: 8 Meses (ano 2018 – ano 2019).

Parceiros: Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria

   
FLOREST@CONJUNTA
 

Membro CARME: Eduarda Fernandes

Pretende-se definir e identificar os diferentes modelos de organização na agricultura e na floresta ao nível da comercialização, focando essencialmente a realidade europeia e nacional. Efectua-se o diagnóstico do sector florestal português na ótica da organização da produção e da gestão conjunta levada a cabo pelas diferentes organizações seleccionadas para estudo na amostra. Como output do projeto pretende-se o desenvolvimento de um manual de gestão conjunta, com base no trabalho de diagnóstico efetuado. Este manual, para além de identificar as opções de gestão conjunta, aponta também as questões da comercialização de produtos florestais e as vantagens das organizações de comercialização.

01 janeiro 2019 – 30 junho 2020 (financiado pelo PDR2020)

Parceiros: FENAFLORESTA; Associação Florestal do Concelho de Ansião; ANEFA; Fórum Florestal.

   
Care4Value | Enhancing value creation in long-term care units integrated in private welfare institutions
 
Investigador responsável: Ana Sargento

 

O CARE4VALUE visa desenvolver e implementar um modelo de sistema de informação e controlo de gestão, que maximize a criação de valor nas Unidades de Cuidados Continuados Integrados de Saúde. O modelo será desenvolvido e testado através da intervenção a implementar na UCCI parceira do projeto, numa lógica de projeto-piloto. O projeto prevê a concretização dos seguintes resultados inovadores:

– modelo integrado de recolha, tratamento, análise, comparação e reporte de informação reveladora da relação entre os custos e resultados em saúde;

–ferramentas inovadoras de recolha de dados centrados no doente e seu contexto (incluindo o desenvolvimento de uma aplicação móvel para recolha de dados dos cuidadores).

Estes resultados facilitarão a tomada de decisão por parte de gestores e profissionais de saúde, contribuindo para a qualidade, eficiência e sustentabilidade da organização.

August 2017-September 2019 (Projeto co-financiado pela FCT pelo COMPETE2020 (Ref.: POCI-01-0145-FEDER-23248).

Parceiros: Santa Casa da Misericórdia da Batalha, Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

Mais informações e publicaçõeshttp://www.care4value.pt/

 

El cambio regulativo, normativo y cognitivo-cultural como promotor del emprendimiento internacional de la empresa española. Propuestas de adaptación e innovación institucional

Principal Investigator (PI) and leader institution of the project: Antonia Mercedes García Cabrera – Universidad de Las Palmas de Gran Canaria

CARME Member: Nuno Reis

Funding Entities: Ministerio de Economía, Industria y Competitividad (Government of SPAIN)

Description: The institutional environment is determinant for the companies’ international operations since it establishes the competitive environment companies are operating. The changes in the three major dimensions of the institutional environment (regulative, normative and cultural-cognitive dimensions – cf Scott, 1995) offer opportunities to companies (specifically to Spanish companies) in their international operations since they face an environment different from the domestic one. Thus, this project aims at understanding the role of institutional changes in Spanish companies’ international operations and to offer innovative proposals to adapt to the changing institutional environment.

 

 

Programa de Recuperação das Matas Litorais
  Membros: Eduarda Fernandes

 

O programa envolve um trabalho conjunto entre diversos parceiros, visando a avaliação dos efeitos dos incêndios florestais, a estabilização de emergência, a reabilitação das matas ardidas, a recuperação de longo prazo e a participação pública e sensibilização.

Parceiros: Instituto Superior de Agronomia (Universidade de Lisboa), Politécnico de Coimbra, Politécnico de Bragança, Universidade de Coimbra, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Universidade de Aveiro e Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária.

Janeiro 2018-Julho 2018

   
Elaboração do Plano de Ação para a Regeneração Urbana (PARU) do Município da Batalha
  Membros: Ana Lopes, Ana Sargento e Eduarda Fernandes

 

O trabalho consistiu no desenvolvimento do Plano de Ação de Regeneração Urbana (PARU) da Vila da Batalha. O plano visava promover o ambiente urbano sustentável e revitalizar as áreas de intervenção do centro histórico e zona ribeirinha da Vila da Batalha. As investigadoras do CARME, em cooperação com o município da Batalha, colaboraram na planificação de objetivos e ações integrados e coerentes, concretizáveis através dos projetos públicos e privados apresentados.

O PARU serviu de base à candidatura do Município ao programa operacional Centro 2020, prevendo um investimento público de 3,2 milhões de euros, que potenciará o investimento privado de cerca de 1,7 milhões de euros. Com a aprovação do Plano, fica garantido que parte deste investimento será co-financiado pela União Europeia, até ao montante máximo de 2,7 milhões de euros do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

(publicação resultante disponível em http://hdl.handle.net/10400.8/2755)

janeiro 2016 – junho de 2016

Parceiros: Município da Batalha

   
  Agenda Ansião 2020
  Membros: Ana Lopes, Ana Sargento e Eduarda Fernandes

 

O trabalho consistiu na elaboração de uma estratégia de desenvolvimento local para o município de Ansião, para o período 2014-2020, utilizando técnicas colaborativas de decisão. O plano foi elaborado através da participação, em todas as fases, de um grupo de stakeholders de Ansião composto por 27 membros de diferentes áreas de atividade económica e social. A equipa de investigadores desempenhou também o papel de facilitador dos trabalhos do grupo.

(publicação resultante disponível em http://hdl.handle.net/10400.8/2767)

setembro 2014 – dezembro 2015

Parceiros: Município de Ansião

   
  Estratégia de Desenvolvimento Local para Terras de Sicó, Associação de Desenvolvimento
 
Membros: Ana Lopes, Ana Sargento, Eduarda Fernandes e Jacinta Moreira.

 

Bolseiro: Eduardo Lavrador

O trabalho consistiu na elaboração de uma estratégia de desenvolvimento local para o território de Sicó (abrangendo 6 municípios localizados nas NUT III de Coimbra e Leiria), bem como na definição do correspondente plano de ação e de investimento e do modelo de governação. O Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC) é um dos instrumentos de financiamento ao desenvolvimento territorial que se encontra previsto no quadro de financiamento europeu, a vigorar entre 2014 e 2020, e que visa promover, em territórios específicos, o desenvolvimento local e a diversificação das economias de base rural e das zonas pesqueiras e costeiras, bem como a inovação social. A estratégia de desenvolvimento local serviu de base à candudatura da Terras de Sicó ao instrumento DLBC (apoiado pelo FEDER), cuja aprovação originou uma dotação financeira, no âmbito do quadro comunitário 2014-2020, para apoiar projetos de desenvolvimento local no valor de cerca de 4,5 milhões de euros.

(publicação resultante do projeto disponível em https://iconline.ipleiria.pt/handle/10400.8/1463).

junho 2014 – setembro 2015

Parceiros: Terras de Sicó – Associação de Desenvolvimento

   
  Plano Estratégico “Leiria, Região de Excelência”
  Membros: Ana Lopes, Ana Sargento e Eduarda Fernandes

 

O projeto consistiu na elaboração do Plano Estratégico para a Região de Leiria, em estreita colaboração com os principais parceiros regionais. 

Parceiros: promovido pela NERLEI – Associação Empresarial de Leiria, em parceria com o IPLeiria, CIMPL – Comunidade Intermunicipal do Pinhal Litoral e ADLEI – Associação para o Desenvolvimento de Leiria. Financiado pelo Programa Operacional Mais Centro, QREN

Publicação resultante disponível em https://www.researchgate.net/publication/320471867_Plano_Estrategico_-_Leiria_Regiao_de_Excelencia

January 2013-March 2014

 

   
EMSURE –  Energy and Mobility for Sustainable Regions
  Membros CARME: Ana Sargento 

 

Projeto liderado pela Universidade de Coimbra (https://www.uc.pt/en/efs/research/emsure)

O projeto visa desenvolver modelos, metodologias e tecnologias, no âmbito da energia e da mobilidade, que permitam aos decisores e empresas tornar a Região Centro de Portugal verdadeiramente sustentável.

Parceiros: Universidade de Coimbra, ADAI, MARE, INESC.

Projeto co-financiado pelo QREN (Programa “Mais Centro”) e União Europeia (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional). Ref.: CENTRO-07-0224-FEDER-002004.

2013-2016.

   
DEMOSPIN –  Demografia economicamente sustentável – Reverter o declínio em áreas periféricas
  Membros CARME: Ana Sargento 

 

Projeto liderado pela Universidade de Aveiro (http://www.ua.pt/getin/InvestigCientifica_DEMOSPIN)

O projeto DEMOSPIN visou desenvolver uma ferramenta de apoio à definição de políticas de desenvolvimento de regiões demograficamente deprimidas. A metodologia combina técnicas de projeção demográfica com modelos de crescimento e desenvolvimento regional. O resultado permitiu desenvolver e avaliar cenários sobre a evolução da população até 2030, para regiões localizadas no interior de Portugal, e propor estratégias que contrariem o declínio demográfico destas áreas.

Parceiros: Universidade de Aveiro, Universidade de Coimbra, Universidade da Beira Interior, Instituto Politécnico de Castelo Branco.

Projeto co-financiado por FEDER através do Programa Operacional Fatores de Competitividade – COMPETE e FCT – Fundação para a Ciência e Tecnologia (Ref. PTDC/CS-DEM/100530/2008).

2010-2013.